Sessão Solene celebra os 70 anos da Escola de Música Donaldo Ritzmann

Sessão Solene celebra os 70 anos da Escola de Música Donaldo Ritzmann

- in São Bento do Sul
624
Comentários desativados em Sessão Solene celebra os 70 anos da Escola de Música Donaldo Ritzmann

A noite desta quinta-feira, dia 4, foi marcada pela Sessão Solene promovida pela Câmara de Vereadores em homenagem aos 70 anos da Escola de Música Donaldo Ritzmann. Criada em 31 de março de 1954, a escola foi responsável pela formação de mais de 10 mil alunos ao longo de sua história. O evento foi realizado no Plenário Vereador Luiz Carlos Contesini, reunindo autoridades, professores, alunos e a comunidade em geral. Alguns dos ex-diretores da Donaldo Ritzmann também estiveram presentes.

E as apresentações iniciaram já no começo, com a execução do Hino Nacional Brasileiro, interpretado pela aluna Elaine Deise Persuhn, acompanhada pelo professor de Técnica Vocal, Deivid Dranka. A cerimônia contou ainda com apresentações dos professores Thiago Verbinenn e Simaan Habib, dos professores Deivid Dranka e Luis Carlos Grossl, do Grupo Trio Musical formado pelos professores Luiz Carlos Grossl, Thiago Verbinem e Elvis Vier, da aluna de Elaine Persuhn e do professor Deivid Drancka.

O Grupo Coral Adulto da Escola de Música Donaldo Ritzmann, sob a regência do Maestro Deivid Dranka, encerrou a noite com chave de ouro. Além das apresentações musicais, um vídeo produzido pela Câmara Municipal contou um pouco da história inspiradora da Escola de Música Donaldo Ritzmann.

Autor da proposição para homenagem à escola de música, o vereador Darlan André Guliani (PSD) destacou em seu discurso o motivo da Sessão Solene. Ele iniciou falando sobre o legado de Donaldo Ritzmann, que em 31 de março 1954 formou a escola de música ainda ligada à Sociedade Ginástica e Desportiva São Bento.

Darlan lembrou que a escola passou a se chamar Donaldo Ritzmann a partir de 1977, com aprovação de uma lei por parte da Câmara de Vereadores. Ele ainda foi o primeiro diretor da unidade. “Dando origem a esta importante escola que ensina arte e oferece ao mundo singeleza”, disse. “A música nos conecta ao divino”, destacou.

O vereador espera que por muitos anos o instituto possa seguir com seu importante e reconhecido papel de ensinar música. “Que a Escola de Música Donaldo Ritzmann possa continuar por todo o sempre formando multiplicadores desta arte divina que é executar música”, encerrou.

Dedicação

Diretor da escola de música, Abel Hack, disse estar grato por representar uma instituição de tamanha excelência no ensino musical, não apenas em São Bento do Sul, mas em todo o Estado. “Nesta sete décadas de história, a Escola de Música Donaldo Ritzmann tem sido uma luz guia a muitos alunos em busca de formação de qualidade. Não apenas formamos músicos talentosos, mas também cidadãos comprometidos e sensíveis, capazes de levar o nome de São Bento do Sul aos quatro cantos do mundo”, destacou.

Hack ainda disse que mesmo diante de tamanho sucesso, ainda existem desafios a serem enfrentados, como a alta procura por cursos musicais. “A lista de espera é enorme e não para de crescer. O que evidencia demanda crescente por educação musical em nossa comunidade”, disse.

O diretor ainda fez um agradecimento especial aos professores pelo empenho e dedicação. “Como coordenador desta escola, comprometo-me a continuar trabalhando incansavelmente para elevar ainda mais a qualidade do ensino musical em nossa instituição”, disse.

Discursos

O major da Polícia Militar, Everaldo Simão Stanchack, representando o comando do 23º Batalhão da Polícia Militar, destacou a importância da Escola de Música Donaldo Ritzmann para o desenvolvimento de São Bento do Sul. “Saibam que vocês são merecedores deste ato por tudo o que vocês vêm fazendo em nome da música para a população de São Bento do Sul. Espero que se perpetue por muitos anos”, disse.

A presidente da Fundação Cultural de São Bento do Sul, Bárbara Simone da Silva, representando o prefeito Antonio Tomazini, lembrou que ao longo dos anos são muitas as histórias e o trabalho desenvolvido para manter a escola de música. “A Escola de Música Donaldo Ritzmann é agraciada com aproximadamente 40% do orçamento da Fundação Cultural. Para mim, como representante da Fundação Cultural de São Bento do Sul, é gratificante e honroso fazer, por tempo mínimo que seja, parte desta história”, citou.

O último discurso da noite foi da presidente da Câmara de Vereadores, Zuleica Voltolini (PP). Ela iniciou fazendo agradecimento ao coordenador da escola, Abel Hack, pelo trabalho desenvolvido à frente da Donaldo Ritzmann.

A presidente ainda agradeceu aos demais vereadores pelo apoio à proposta, aprovada por unanimidade. “Como presidente desta Casa de Leis, fico muito orgulhosa de poder estar vivenciando este momento tão especial. Momento no qual a Câmara de Vereadores de São Bento do Sul presta uma justíssima homenagem à Escola de Música Donaldo Ritzmann”, destacou.

Zuleica lembrou que no ano passado foi realizada a Sessão Solene pelos 150 anos de São Bento do Sul, e por quase metade desse tempo a Escola de Música Donaldo Ritzmann esteve presente na história da cidade. Lembrou que na sessão dos 150 anos, as apresentações musicais foram o destaque, assim como está sendo agora. “São Bento do Sul já foi muito divulgado como a cidade da música e com toda certeza o papel da Escola de Música Donaldo Ritzmann foi fundamental para esta afirmação”, disse.

A presidente também conduziu uma homenagem aos ex-diretores da unidade presentes no evento. Zuleica fez questão que todos os cinco ex-diretores presentes, juntamente com o atual diretor, Abel Hack, ficassem em pé e fossem homenageados com uma salva de palmas. “Vocês marcaram muitas vidas nesta escola. E as lembranças são muitas”, disse. “Finalizando, gostaria de deixar aqui, em nome do Legislativo municipal, os agradecimentos a todos os cidadão são-bentenses que participaram desta história”, completou.

Facebook Comments

You may also like

Frente fria traz chuva intensa com risco de alagamentos e inundações em SC neste fim de semana

no sábado, 18, a chuva será mais intensa e volumosa, especialmente nas regiões do Vale do Itajaí, Grande Florianópolis, Planalto Norte, Litoral Norte, Planalto Sul e Litoral Sul, com acumulados variando entre 80mm a 120mm, podendo superar esses valores.