História de sucesso de um casal que deu a volta por cima

História de sucesso de um casal que deu a volta por cima

- in Personagem da Semana
3032
1

Exemplo de superação deu uma nova chance de vida para casal, que conquistou sonhos de uma vida melhor . Hoje vivem felizes na companhia de três filhos fruto da nova vida que decidiram ter

A vida de Marcos Valdecir Carlini de 47 anos, natural de Rio Negrinho e Gabriela 34 anos, triunfou, graças a força de vontade que ambos tiveram em vencer. Hoje olham para traz e comemoram a vida que tem, como micro empreendedores e na formação de uma família.

Marcos ou Marquinhos como é chamado na Vila 1º de Maio aqui em São Bento do Sul, saiu de sua terra Natal ainda bebê com seis meses seguiu para Barra Velha.

Na infância lembra que o passa tempo preferido era soltar pipa, brincar de bola de gude. Foi na Vila 1º de Maio que Marcos se criou e se orgulha em dizer que foi um dos primeiros moradores. Para sustentar a família naquela época os pais já trabalhavam na venda de pastel, especialmente a mãe dona Margarida Lopes, no qual Marquinhos tem uma grande admiração. “Sempre foi uma mulher batalhadora e devo muito a ela”, elogia.

Marcos revela que chegou ao fundo do posso virou depende químico. “Foram os piores anos da minha vida, não desejo isso para ninguém”, afirma.

Foi quando entre idas e vindas entrou em uma casa de recuperação próximo da capital de Santa Catarina, a chamada casa Bethania que atende dependentes de todo os estado. “Ou eu me recuperava ou eu não estaria aqui para contar essa parte da minha vida”, explica.

O tratamento foi exitoso, a vontade de vencer foi tamanha que o vicio faz parte do passado. Foi justamente na casa Bethania que Marquinhos conheceu o grande amor de sua vida a Gabriela ou Gabi. “Lá não tinha muita conversa , sempre tinha gente de olho, eu conversava muito com ela, até que decidimos nos unir”, revela Gabi.

E o celebrante do casamento foi o padre Léo, que era que orientava os internos. “Foi um momento único de nossas vidas, nascemos de novo”, recordam.

Para o casal foi obra de Deus, após o casamento vieram três filhos o Marquinhos, Gabriel e Erick. “Eles nos dão forças para seguir em frente”, destacam

“Foram seis anos em São João Batista a gente queria é mesmo mudar de vida”, afirmam

A vida empresarial com muitos obstáculos, mas com recheio de vitória

Após retornar a comunidade da 1ª de Maio, Marcos ouviu de uma vizinha se ele iria fazer os pasteis deliciosos que a mãe fazia ?, não teve outra opção a não ser começar todo o trabalho

Tudo começou numa salinha pequena, eram dois pastel por vez. As vendas eram feitas em uma bolsa térmica a pé. Mais tarde conseguiram comprar uma moto em parcelas, meses após a moto foi furtada.
Sem a moto o jeito foi ir atrás de um carro e conseguiram um Fusca, quando perceberam que a vida iria dar uma guinada pois teriam que entregar a primeira grande entrega pois eram 400 pasteis a surpresa, policiais pararam o veículo que não estava em tão bom estado com documentos atrasados o guarda informou que lamentava mas teria que recolher o carro. A entrega chegou ao destino, mas o veículo no qual o guarda tinha que abrir a portar por fora foi recolhido, por azar o proprietário do veículo havia falecido e não assinou o recibo. O carro foi encaminho para o pátio da polícia. Com fé e devoção em Nossa Senhora Aparecida o casal estava agoniado em ficar sem um carro. Marcos teve a ideia de sair pela rua Antônio Kaesemodel para observar algum veículo. Apesar de não ter muita esperança foi orientado a ter fé em Nossa Senhora Aparecida. Na primeira revenda que chegou foi logo falando. “Não tenho dinheiro para entrada e o senhor terá que confiar em mim”, disse ao dono da revenda que olhou por alguns segundos e disse que poderia levar o veículo sem entrada. Marcos comemorou muito era um Fiesta e anos mais tarde já adquiriu um Polo.

Em torno de um mil pasteis são comercializados ao mês, o casal também faz salgadinho para festa , orelhinha o tradicional pão caseiro. Os que mais sai são o de carne, franco e o tanto faz , uma novidade criada pelo casal com a mistura de vários sabores. A procura deles já é grande que eles inclusive foram chamado para o Enit 2018.

“Caminhamos devagar e olhamos para a dificuldades, mas vencemos isso que é o mais importante Deus nos deu uma grande oportunidade e nós estamos aproveitando a cada dia, revelam

Facebook Comments

1 Comment

  1. Parabéns ao casal!!! Muita força, fé e perseverança. Abraço!!!

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode querer ler também...

Sandro dos Santos é destaque no setor de Transportes

Funcionário público concursado atua na prefeitura de São