Goreti Ehlke 25 anos de dedicação na educação especial

Goreti Ehlke 25 anos de dedicação na educação especial

- in Personagem da Semana
318
0


Sempre as quartas feiras no Programa Manhã Total na Liberdade FM é dia de entrevistas, com a apresentação do comunicador Almir Dias. Segundo ele a intenção é convidar pessoas da comunidade que fazem ou fizeram algo para a comunidade.
Nesta semana a convidada foi a professora e diretora da escola Girasol, Goreti Ehlke, que tem 25 anos de serviços prestados para Apae de São Bento do Sul. Para ela a Escola Girasol é uma grande família. ‘Vivemos mais diariamente, nossos alunos nos inspiram e nos dão a vontade de vencer a cada dia que passa”, conta
Para Goreti ela acredita que a educação abre portas, constroem o mundo e pessoas por isso escolheu a pedagogia
A primeira habilitação foi na educação infantil e serie iniciais em Canoinhas formada em 1999.
Em 2000 acabou mudando de Papanduva para São Bento do Sul, a intenção era ficar um ano em São Bento e agora já somam 22 anos em São Bento,

Ela e professora Marileia chegaram na Apae em 2000, realizou uma série de cursos de aperfeiçoamento em educação especial e gestão escolar pela Federal de Santa Catarina. “O que a gente pensava na educação especial no passado de qual era a expectativa, hoje tudo mudou. Antigamente os alunos da Apae tinham como o passar do tempo contar parafuso, trançar cadeiras. Atualmente os alunos utilizam de mídias interativas, incluído tablets, estão na Internet, temos disponível uma série de recursos que não se imaginava no passado”, diz Goreti
Ela começou a trabalhar em 1995 em Papanduva na educação infantil, o foco principal sempre foi educação especial

Credibilidade da Apae

Para Goreti a Apae tem credibilidade nestes 51 anos, pela forma como ela começou foi por necessidade, se depararam na época de alguns casos de pessoas que necessidades especial, dai obteve o projeto inicial. Seu Braulio Roesler jutamente com Dona Zulma Grossl são as referencias de todo o inicio do trabalho. Sempre foram muitas pessoas envolvidas sempre com a participação da comunidade como um todo. Hoje quem preside a Apae são pessoas na comunidade Marcelo Correia funcionário da Oxford, e assim tivemos uma série de pessoas de deram não somente seu tempo mais sua dedicação para a causa Apae. “Ser presidente não é somente assinar documentos, existe uma diretoria formada por pessoas da comunidade, muitas pessoas que passaram pela presidência não tem familiares mas escolheram prestar o voluntariado lá. O que esses voluntários recebem a satisfação de manter o nome de uma entidade”, admite
Agora o espaço passou a se chamar Centro de Atendimento Educacional Especializado’’’’
A mudança no nome para Centro de Atendimento Educacional Especializado tem motivo, não é escola, não certifica, o aluno não vai concluir uma etapa escolar. Atualmente estão matriculados 157 alunos. Nas cinco décadas já passaram mais de 800 pessoas.
Goreti explica que Apae, tem reconhecimento, comparando das doações não pararam durante a Pandemia. Segundo ela a comunidade é generosa sempre estendeu sua mão amiga. Além das doações da comunidade recebemos verbas do governo do estado e municipal. O custo da Apae mensal chega próximo de R$70 mil reais

Apae “Orgulho e Alegria”
Goreti Iniciou trabalho como professora em 1995, em Papanduva. No ano de 2000 chegou em São Bento do Sul, para trabalhar na APAE. Foi efetivada na prefeitura, onde trabalhou na área da Educação Infantil. Em 2002, foi efetivada na APAE e neste período trabalhava durante o dia na Apae e a noite como professora de Educação de Jovens e adultos. Também já trabalhou em curso de Pós graduação, juntamente com Marileia Gonçalves, com a disciplina de Educação Especial. Na trajetória na Apae, onde é professora com muito orgulho e alegria, já exerceu a função de secretária, e nos últimos 7 anos responde pela direção (Que diga-se de passagem, não é um cargo politico) e professora responsável pela direção.

Facebook Comments

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode querer ler também...

Emoção marca sessão de fotos da Sargento Andrea

Vítima de cancer ela realizou um ensaio fotografico.