SES capacita mais de 8 mil profissionais de urgência e emergência nos primeiros cinco meses de 2024

SES capacita mais de 8 mil profissionais de urgência e emergência nos primeiros cinco meses de 2024

- in Santa Catarina
195
Comentários desativados em SES capacita mais de 8 mil profissionais de urgência e emergência nos primeiros cinco meses de 2024
https://www.instagram.com/mundocondor

TwitterEmailWhatsApp

A Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio da Superintendência de Urgência e Emergência (SUE), segue capacitando os profissionais da área. De janeiro a maio deste ano, 8.974 profissionais de urgência e emergência foram capacitados, além dos da educação, que têm recebido treinamentos em primeiros socorros nas escolas. Comparado com 2023, foram oferecidos apenas seis cursos e 267 profissionais foram treinados.

Os números expressivos demonstram o empenho do Núcleo de Educação em Urgências (NEU) em proporcionar educação de qualidade, e também a crescente conscientização sobre a importância da preparação dos profissionais para situações de emergência em diversos contextos, fazendo com que se eleve os padrões de atendimento e segurança.

“Manter-se atualizado e capacitado é uma necessidade para aqueles que atuam na linha de frente do atendimento médico. A capacitação aprimora as habilidades técnicas, fortalece a confiança e a eficácia no enfrentamento de situações críticas. Além disso, garante a segurança dos pacientes e melhora os resultados dos serviços de urgência e emergência”, explica Juliana Guaresi, coordenadora do NEU.

Ao todo, foram disponibilizados 93 cursos nas modalidades on-line, presencial e workshops, além de um simpósio dedicado exclusivamente às emergências clínicas. Essa diversidade de opções visa atender às necessidades específicas de cada profissional e promover um aprendizado mais abrangente e eficaz.

Diante desse panorama, o trabalho do NEU em fornecer educação de qualidade torna-se fundamental na construção de uma rede de saúde mais resiliente e preparada para os desafios do futuro. “Este marco não é apenas uma conquista para o núcleo, mas um passo significativo rumo a uma assistência de emergência mais eficiente e humanizada em Santa Catarina”, ressalta Juliana.

Para Marcos Fonseca, superintendente de Urgência e Emergência, a educação permanente dos profissionais soma-se a outros investimentos em materiais e equipamentos. “Quando falamos em investimento na qualificação profissional estamos investindo nas pessoas, esse é o diferencial da nossa gestão. Sabemos que o serviço de saúde é feito por pessoas, por isso estamos investindo tanto nestes talentos humanos”, finaliza.

Facebook Comments

You may also like

Com nova Diretoria, Governo de Santa Catarina fortalece Defesa Civil contra desastres climáticos

O objetivo é fortalecer a resiliência do estado diante dos desastres naturais e das mudanças, adaptações e emergências climáticas.