SE VOCÊ FOI VÍTIMA DE CRIME, DENUNCIE À POLÍCIA CIVIL

SE VOCÊ FOI VÍTIMA DE CRIME, DENUNCIE À POLÍCIA CIVIL

- in Santa Catarina
128
0

A Polícia Civil orienta vítimas que apresentaram denúncias de crimes em redes sociais, por meio dos movimentos intitulados, por exemplo, #exposedfloripa e #exposedjoinville, a formalizarem Boletim de Ocorrência (BO). O movimento consiste no engajamento de jovens mulheres que utilizaram o ambiente virtual para compartilharem experiências de relacionamentos íntimos abusivos. Alguns relatos trouxeram à luz denúncias da prática de crimes como estupro de vulnerável, importunação sexual, crimes contra honra, entre outros.

Tão logo a Polícia Civil teve conhecimento dos fatos, foi entrado em contato com algumas das vítimas com a finalidade de orientá-las. Em Florianópolis, segundo o delegado Gustavo Kremer, da Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI), desde então foram recebidas formalizações de denúncias e estão sendo abertos inquéritos policiais. Equipes especializadas na investigação de crimes praticados contra mulheres, sejam elas adultas ou não, estão sendo mobilizadas.

“Por isso, pedimos que as jovens, na companhia de seus responsáveis legais, caso entendam que tenham sido vítimas de algum crime, procurem a Polícia Civil para obterem orientações e para que seja iniciada a investigação do caso”, assinala o delegado.

Outra orientação é de cuidado na utilização do ambiente virtual para que não sejam expostos os nomes, fotografias e dados pessoais dos suspeitos. Tais informações devem ser fornecidas na Delegacia de Polícia, evitando-se assim eventual prática de crime ou de ter contra si alguma responsabilização cível.

Denuncie:
181 Disque-denúncia
(48) 98844-0011 WhatsApp
https://delegaciavirtual.sc.gov.br/

Facebook Comments

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode querer ler também...

Decreto de Isolamento no Estado sem grandes mudanças

Pelo ato assinado pelo chefe do Executivo, que estará disponível no Diário Oficial do Estado, ficam proibidos nas próximas duas semanas eventos e competições esportivas organizados pela Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte) ou pela iniciativa privada. Também estão suspensas pelo mesmo período as atividades de cinemas, teatros, casas noturnas, museus, assim como a realização de eventos, shows e outros espetáculos que acarretem reunião de público.