São Bento do Sul atinge de 33,82% de reciclagem

São Bento do Sul atinge de 33,82% de reciclagem

- in São Bento do Sul
251
0

Uma marca histórica foi alcançada pelo município no quesito da reciclagem de resíduos. Durante o mês de abril, São Bento do Sul obteve 33,82% dos materiais recolhidos recebendo a destinação correta. Para se ter um parâmetro, antes das atuais ações realizadas pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Samae), que é responsável pela coleta seletiva na cidade, o percentual médio era 7%.

É relevante avaliar, ainda, que a média de reciclagem no Brasil, conforme dados divulgados em 2023 pela Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais, é de 4%. Conforme explica o diretor-presidente do Samae, Osvalcir Peters, o salto marcante que foi dado neste sentido é resultado de programas eficientes, providos pela Prefeitura. “É um número importantíssimo para nós e que é auditado. É possível mensurar e verificar cada um dos índices disponíveis. Peso dos produtos e notas fiscais, por exemplo”, conta.

Peters complementa ainda reforçando o compromisso do Município em perseguir ainda números mais positivos, a exemplo de países desenvolvidos e referência mundial em reciclagem, como a Alemanha, que já chegou a 60% de todo o seu lixo reciclado, segundo divulgou o Portal Sustentabilidade em 2020. Outras diretrizes citadas ao redor do globo são ainda Coreia do Sul (53%), Luxemburgo (53%) e Suíça (52%).

As mais de 1.560 toneladas recolhidas em abril foram captadas através da coleta de lixo comum, coleta seletiva, no Local de Entrega Voluntária, nos Ecopontos e no Câmbio Verde. Todas essas estratégias sustentáveis têm funcionado para preservar o meio ambiente e ainda dar maior longevidade à capacidade do aterro sanitário. “Podemos também verificar que de todas essas frentes, o único material que não é destinado às cooperativas é o lixo comum, que é aproveitado na Usina de Processamento de Resíduos”, salientou o prefeito Antonio Tomazini.

Prêmio ODS

A Usina de Processamento de São Bento do Sul, inclusive, foi reconhecida em outubro de 2023 com o 1º lugar do prêmio “Movimento Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) de Santa Catarina”, na categoria Poder Público. A iniciativa da Prefeitura de São Bento do Sul, através do Samae, foi reconhecida pelo pioneirismo e impacto ambiental, em cerimônia na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc).

Os ODS representam um plano de ação global para eliminar a pobreza extrema e a fome, oferecer educação de qualidade ao longo da vida para todos, proteger o planeta e promover sociedades pacíficas e inclusivas até 2030. O ODS 12 prevê reduzir a geração de resíduos através de atividades de prevenção, redução, reciclagem e reutilização, e alcançar a gestão sustentável e o uso eficiente dos recursos naturais.

Facebook Comments

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may also like

Frente fria traz chuva intensa com risco de alagamentos e inundações em SC neste fim de semana

no sábado, 18, a chuva será mais intensa e volumosa, especialmente nas regiões do Vale do Itajaí, Grande Florianópolis, Planalto Norte, Litoral Norte, Planalto Sul e Litoral Sul, com acumulados variando entre 80mm a 120mm, podendo superar esses valores.