POLÍCIA CIVIL INDICIA VEREADOR POR NOVA CONCUSSÃO

POLÍCIA CIVIL INDICIA VEREADOR POR NOVA CONCUSSÃO

- in São Bento do Sul
148
0


A Polícia Civil, por intermédio da DIC – Divisão de Investigação Criminal de São Bento do Sul – concluiu nesta quinta-feira (07/11) um inquérito policial que apurou delitos de concussão e coação a testemunha.
O vereador foi investigado pela DIC em outro procedimento, chegando a ser preso no mês de agosto por coagir outras testemunhas. Após o recebimento de novas informações, outra investigação foi iniciada e elucidou novos delitos e envolvidos.
Conforme o apurado, o vereador incorreu em crime de concussão em relação a um servidor da Prefeitura, com a prática conhecida como “rachadinha”. A investigação da DIC comprova que o suspeito se apropriou de R$ 1.200,00 mensais durante dezoito meses, ou seja, desde o primeiro mês no cargo até o dia em que a primeira investigação foi deflagrada, com o cumprimento de busca e apreensão no gabinete do vereador na Câmara.
A investigação também identificou que o servidor foi coagido a não relatar a situação quando foi intimado a depor no primeiro inquérito policial. O vereador chegou a fazer uma simulação de como, possivelmente, se daria o interrogatório, quais perguntas seriam feitas e como deveriam ser respondidas, fazendo o papel do Delegado Coordenador da DIC. Ainda quanto a esta coação, outro homem foi indiciado como partícipe deste delito, por ter prestado auxílio material ao vereador em suas condutas.
Durante a investigação, mais de dez pessoas foram ouvidas, além da juntada de documentos. O caso, agora, está à disposição do Ministério Público e do Poder Judiciário.

Facebook Comments

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode querer ler também...

Vistoria na galeria central é realizada

Conforme explicou o secretário de Planejamento e Urbanismo, Luiz Cláudio Schuves a ação foi realizada com o intuito de preservar a limpeza do local.