Comitê realiza reunião sobre volta do transporte coletivo

Comitê realiza reunião sobre volta do transporte coletivo

- in São Bento do Sul
269
0

Na manhã desta segunda-feira, dia 1°, ocorreu mais uma reunião por videoconferência com o Comitê de Crise covid-19, para debater sobre a volta do transporte coletivo, dentre outras atualizações relacionadas ao coronavírus em São Bento do Sul.

O grupo é formado por autoridades municipais, incluindo representantes do Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, Polícia Militar, Ministério Público, ACISBS, CDL, Câmara de Vereadores, Secretários Municipais, Procuradoria, representantes empresariais e representantes da Saúde, envolvendo Secretaria Municipal de Saúde e o Hospital e Maternidade Sagrada Família.

O objetivo é tomar em conjunto decisões importantes no âmbito municipal, em relação ao decreto do Estado sobre a volta do transporte coletivo. De acordo com o diretor da Coletivos Rainha, Flávio Lima, os serviços poderão ser retomados com todos os parâmetros estabelecidos em decreto publicado pelo governo do estado. “Temos a consciência de que algumas questões devem ser tomadas em conjunto com o comitê, principalmente em relação a limitações de pessoas e prevenções” disse.

A empresa fará um plano de gerenciamento para definir as normas, que serão decididas em conjunto com o comitê.

O comitê também tratou sobre os mil testes rápidos recebidos pela Secretaria de Saúde e que serão aplicados nos casos monitorados em Covid-19. Além disso, foi tratado sobre a estrutura atual do Hospital. Atualmente possuímos apenas um caso de Covid-19 internado na Unidade de Tratamento Intenso – UTI.

Mais uma reunião será realizada pelo comitê na próxima quinta-feira (4), para acertar os detalhes de limitações em relação ao transporte coletivo municipal para a possível volta já na próxima semana.

Facebook Comments

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode querer ler também...

Idosa residente em Rio Natal precisa de ajuda

Ela tem 69 anos, acometida de diabetes precisa de fraldas e atendimento com especialista.