Centenário: Nova estrutura para a Saúde será inaugurada dia 22

Centenário: Nova estrutura para a Saúde será inaugurada dia 22

- in São Bento do Sul
80
0

Modernidade. Assim pode-se definir o novo espaço destinado à população que a Secretaria Municipal de Saúde reformou no bairro Centenário.

Com inauguração agendada para o próximo dia 22, a estrutura localizada ao lado do ESF 3 – Centenário abrigará o CEMPICS – Centro Municipal de Práticas Integrativas e Complementares de Saúde, estrutura esta que proporcionará à população o atendimento com as práticas integrativas ofertadas pelo SUS e ainda a estrutura do programa Farmácia Viva, que é referência estadual e nacional.

Conforme o secretário municipal de Saúde, Manuel Del Olmo, este investimento para a comunidade demonstra na prática o que há de mais moderno na saúde, pois o foco no atendimento nesta estrutura é a prevenção de doenças, e não exclusivamente o tratamento. “As opções de tratamentos das práticas integrativas e complementares de saúde são buscadas em todo o país, e este nosso espaço é modelo para este tipo de atendimento”, disse o secretário.

Estrutura

De acordo com a Secretaria de Saúde, foram investidos R$ 17.219,39 oriundos de financiamento através do PMAQ – Programa de Melhoria do Acesso e Qualidade com foco na Atenção Básica. O PMAQ tem como objetivo incentivar os gestores e as equipes a melhorar a qualidade dos serviços de saúde oferecidos aos cidadãos. As obras iniciaram no início do mês de fevereiro e foram concluídas no início do mês.

Segundo a coordenadora do programa, Ana Carla Koetz Prade, a estrutura foi preparada para proporcionar atendimento à população e para o preparo dos medicamentos com a utilização de plantas medicinais.

O atendimento contempla orientações sobre o uso racional de plantas medicinais (assistência farmacêutica em plantas medicinais), identificação de espécies medicinais e cadastro no programa Farmácia Viva.

Segundo Dra. Ana haverá espaço apropriado para secagem das plantas, armazenamento das plantas secas, e para os atendimentos com homeopatia, fitoterapia, acupuntura e auriculoterapia. O espaço externo também contemplará uma horta e uma estufa para produção de plantas.

Ana ainda explicou que as Práticas Integrativas e Complementares de Saúde são opções terapêuticas variadas que estão disponíveis no SUS para que os usuários tenham um tratamento holístico dos seus problemas de saúde.

“Tratamento holístico é você enxergar o paciente como todo, não tratando apenas a doença, mas tratando sim o doente, a pessoa, e é isso que essas terapias fazem”, disse.

O Ministério da Saúde disponibiliza no SUS 29 terapias integrativas que são: apiterapia; aromaterapia; arteterapia; ayurveda; biodança; bioenergética; constelação familiar; cromoterapia; dança circular; geoterapia; hipnoterapia; homeopatia; imposição de mãos; medicina antroposófica/antroposofia aplicada à saúde; medicina tradicional chinesa – acupuntura; meditação; musicoterapia; naturopatia; osteopatia; ozonioterapia; plantas medicinais – fitoterapia; quiropraxia; reflexoterapia; reiki; shantala; terapia comunitária integrativa; terapia de florais; termalismo social/crenoterapia; e yoga.

“Com o CEMPICS nós integramos todas estas práticas em um local para atender a população. E teremos neste espaço aurículoterapia, fitoterapia, acupuntura, sessões de meditação e práticas de pensamento positivo”, comentou.

Sobre a estrutura, na parte da frente estão instalados a recepção, os consultórios, ambulatório, e nos fundos a hervanaria, local de secagem , armazenamento e distribuição das plantas medicinais que são trabalhadas no município através do Farmácia Viva.

“Este centro é vanguarda em termos de saúde pública, é uma estrutura inédita que demonstra que nosso conceito de saúde é muito mais amplo. É uma gestão preocupada com as pessoas e não com doenças” disse Ana.

Joberth Krause – MTB 4280SC

Facebook Comments

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode querer ler também...

Dona Margarida Kautnick comemora 102 anos

Mulher residente no bairro Cruzeiro completa 102 anos.