Campanha de vacinação contra gripe inicia nesta quarta

Campanha de vacinação contra gripe inicia nesta quarta

- in São Bento do Sul
147
0

A Secretaria Municipal de Saúde realizará de 10 de abril a 31 de maio de 2019 a “Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza e Mobilização Estadual contra o Tétano”, para pessoas com 60 anos e mais, crianças de 6 meses a 5 anos 11 meses e 29 dias (menores de 6 anos), gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), professores, profissionais da saúde e pacientes portadores de comorbidades. Tendo como dia “D” a data de 04 de maio de 2019, sábado, onde todas as unidades de saúde do município estarão abertas das 08:00 às 17 horas.

Início da campanha
Segundo informações repassadas pela enfermeira do Centro de Vigilância à Saúde, Cristiane Jantsch Sestren, no dia 10 será liberada a vacinação somente para os grupos de crianças de 6 meses a 5 anos 11 meses e 29 dias (menores de 6 anos), para gestantes, e para puérperas até 45 dias após o parto. Já a partir do dia 22 será liberada a vacina para os demais grupos.

Para os pacientes portadores de comorbidades, mantêm-se a necessidade de prescrição médica com diagnóstico que se enquadre nas indicações, devendo ser apresentada no dia da vacinação, não será liberada a vacinação perante receita médica sem diagnóstico.

O objetivo é facilitar o acesso e agilizar o atendimento para esses pacientes que encontram-se dentro dos grupos padronizados pelo Ministério da Saúde.

As vacinas influenza trivalentes a serem utilizadas no Brasil em 2019 deverão conter três tipos de cepas de vírus em combinação e dentro das especificações a seguir: A/Michigan/45/2015(H1N1)pdm09; A/Switzerland/8060/2017 (H3N2); e B/Colorado/06/2017 (linhagem B/Victoria/2/87).

Quem deve tomar a vacina da gripe?
Os grupos prioritários são:
– Indivíduos com mais de 60 anos
– Crianças de 6 meses até 6 anos incompletos (5 anos, 11 meses e 29 dias de idade)
– Gestantes
– Mulheres que tiveram um filho nos últimos 45 dias (puérperas)
– Trabalhadores da área da saúde
– Professores de escolas públicas e privadas (educação infantil, ensinos médio, fundamental e superior)
– Povos indígenas
– Portadores de doenças crônicas e outras condições clínicas
– Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas
– População privada de liberdade
– Funcionários do sistema prisional

Doenças crônicas e condições especiais
As doenças crônicas e condições especiais que credenciam a pessoa a receber a dose da vacina nas unidades de saúde são as seguintes:

– Doenças respiratórias crônicas (asma, DPOC, fibrose cística)
– Doenças cardíacas crônicas (hipertensão, insuficiência cardíaca)
– Doenças neurológicas crônicas (AVC, paralisia cerebral, esclerose múltipla)
– Doenças hepáticas crônicas (hepatites, cirrose)
– Doenças renais crônicas (paciente em diálise, síndrome nefrótica)
– Diabetes
– Obesidade
– Imunossupressão (indivíduos que estão com o sistema imune abalado por doenças ou medicamentos)
– Trissomias (síndromes de Down, de Klinefelter, de Wakany…)
– Transplantes (órgãos sólidos e medula óssea)

Num primeiro momento, caso as pessoas não estejam em nenhuma das situações citadas, as doses estarão disponíveis na rede privada.

Joberth Krause – MTB 4280SC
Assessoria de Imprensa

Facebook Comments

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode querer ler também...

Páscoa mais doce na Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis

Há mais de 15 anos, o Colégio Global é parceiro da Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis de São Bento do Sul. Durante suas ações e gincanas internas, são recolhidos materiais que são destinados à cooperativa.