Amigo de infância participou de crime

Amigo de infância participou de crime

- in Canoinhas
214
0



A Polícia Civil, por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Canoinhas, e com apoio operacional do 3º Batalhão da Polícia Militar, realizou na manhã desta quinta-feira (31) a operação “Amigo da Onça”, com o objetivo de cumprir mandados de prisão e de busca e apreensão contra suspeitos de serem os autores do homicídio de um jovem de 19 anos. A vítima estava desaparecida desde o dia 15 de outubro e seu corpo foi encontrado enterrado dois dias depois.

Oferta

Três pessoas foram presas por envolvimento no crime: o mandante e dois executores. Além dos mandados relacionados ao assassinato do jovem, a polícia também cumpriu mandados de busca e apreensão por tráfico ilícito de drogas e apreendeu porções de maconha e ecstasy, além de simulacros de armas de fogo.

A investigação foi coordenada pela DIC de Canoinhas e teve a participação da Polícia Militar, especialmente a Agência de Inteligência e a ROCAM, no compartilhamento de informações.
Em Canoinhas, foram cerca de 30 policiais civis e militares que participaram dos trabalhos iniciados às 5h30min simultaneamente em Joinville, local onde os policiais civis de Canoinhas e da 4ª Delegacia de Polícia de Joinville prenderam um dos principais suspeitos. O GAECO de Joinville também prestou apoio à DIC de Canoinhas. O nome da operação se deve ao fato de que um dos executores do crime era amigo de infância da vítima e, de forma premeditada e traiçoeira, enganou o jovem atraindo-lhe para morte.

Facebook Comments

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode querer ler também...

Capotamento na 280

Veículo colidiu na traseira de um Ford Ka e provocou o acidente após fugiu do local