POLÍCIA CIVIL PRENDE ÚLTIMO ENVOLVIDO EM ROUBO DE CAMINHONETE

POLÍCIA CIVIL PRENDE ÚLTIMO ENVOLVIDO EM ROUBO DE CAMINHONETE

- in Rio Negrinho
500
0

A Polícia Civil de Rio Negrinho deu cumprimento a mandado de prisão preventiva expedido em desfavor de M.H.L.R., de 22 anos. O mandado foi expedido pela justiça criminal da comarca após representação do Delegado de Polícia responsável pelo caso. De posse do mandado, policiais do SIC – Setor de Investigações e Capturas – realizaram diversas diligências na cidade de Barra Velha e prenderam o investigado no local conhecido como Praia da Península. Os policiais civis, embora não possuíssem sequer um endereço do alvo, realizaram verdadeira varredura naquela cidade, durante toda a manhã e boa parte da tarde.
Por volta das 16h, a equipe identificou um possível imóvel do suspeito e após monitoramento da residência, constataram a presença do investigado, realizaram a incursão e a prisão do rapaz, que também é conhecido como “MK”. A investigação apontou que “MK” foi responsável por trazer o primeiro criminoso preso até Rio Negrinho, bem como por dar fuga aos demais envolvidos depois do crime. Durante o roubo ele permaneceu nas imediações da residência da vítima monitorando eventual chegada de policiais e a movimentação dos moradores do local. M.H.L.R. é sobrinho de dois dos envolvidos que já haviam sido identificados.

O CASO
Na manhã de 29/09/2017, dois homens renderam uma mulher no Bairro Alegre quando esta chegava em casa e roubaram uma caminhonete, além de diversos bens do imóvel da vítima. Imediatamente, policiais civis e militares iniciaram diligências, o que resultou na prisão em flagrante de J.S.C., de 20 anos, que acabou capotando o veículo durante a fuga e confessou ter praticado o crime.
A Polícia Civil iniciou a investigação e descobriu que G.A.L., também conhecido como “Preto”, foi partícipe do crime. Além da prisão de “Preto”, foi decretada a prisão preventiva de Rogério Rosnei Rodrigues, de 47 anos, que teria sido o outro autor da abordagem da vítima. Rogério, que possui a alcunha de “Velhinho”, não foi encontrado e é considerado foragido. “Velhinho” é cunhado de “Preto”, possui extenso histórico criminal por diversos crimes e é membro de facção criminosa. Encontrava-se em prisão domiciliar e deveria permanecer em seu endereço, na cidade de Joinville, mas estava residindo na casa de seu cunhado, no bairro Cruzeiro.
A Polícia Civil apurou, ainda, que os criminosos pretendiam roubar outra caminhonete na cidade no mesmo dia e que os suspeitos possuem ligações com quadrilhas especializadas no furto e roubo de caminhonetes.
Apesar de transcorridos mais de seis meses do crime e de terem restado poucas pistas sobre este último investigado, a Polícia Civil não deixou de investigar e conseguiu elucidar o delito por completo.

Facebook Comments

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode querer ler também...

POLÍCIA MILITAR FLAGRA SITUAÇÃO DE ABANDONO DE INCAPAZ

Na manhã de quinta-feira, 12, a Central de